spot_img
spot_img

Prefeita realiza reunião com juiz e discute construção do novo Fórum na cidade

Title image box

Add an Introductory Description to make your audience curious by simply setting an Excerpt on this section

Mudanças no atendimento da CMC foram também foram alguns dos assutos
A prefeita Paula Ribas participou de uma reunião no Gabinete do Juiz da 2ª Vara e diretor do Fórum de Cajamar, Dr. Filipe Antonio Marchi Levada, no último dia 19, quando foram abordados vários assuntos relacionados à modernização e melhorias no atendimento do Poder Judiciário da cidade. O Juiz de Direito da 1ª Vara, Dr. José Marques de Lacerda, e o diretor dos Negócios Jurídicos da Prefeitura, Dr. Peterson R. A. do Couto Ramos também participaram.
Na ocasião, a prefeita se comprometeu a disponibilizar uma área para construção do novo Fórum de Cajamar, projeto que será apresentado pela Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania do Estado, em substituição ao atual prédio que é locado pela própria prefeitura, em Jordanésia.
Os juízes elogiaram os servidores da Prefeitura que prestam serviços no Fórum e contribuem muito para agilidade na demanda dos processos.
Outro assunto da reunião foi a reestruturação da Câmara Multidisciplinar de Conciliação e Cidadania (CMC), espaço criado em 2010 com a parceria da Prefeitura e o Tribunal de Justiça de São Paulo, para a solução de conflitos e, consequentemente, evitando a demora de um processo judicial.
A sugestão é que com a vinda do CEJUSC – Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania, a CMC concentre esforços na área social no auxílio às vítimas, familiares e menores infratores. “Esta proposta vai ao encontro dos objetivos da nossa administração que é implantar a humanização em todos os setores e atendimentos à população de Cajamar”, afirmou a prefeita.
Paula Ribas também conversou com o juiz sobre a possibilidade de os detentos em fase de ressocialização possam prestar serviços de manutenção em prédios públicos, gerando economia de mão-de-obra e oferecendo suporte para reintegrá-los à sociedade. A Justiça estudará os meios legais para aplicar a proposta da prefeita. “Levarei o assunto ao corregedor dos presídios do Estado para analisar a viabilidade de firmarmos esta parceria com o município”, disse o juiz Filipe Levada.
Finalizando o encontro, os juízes falaram, ainda, sobre o avanço que o município pode ter no recebimento da Execução Fiscal e a possibilidade do protesto dos títulos antes de se ingressar com ação judicial. “Tudo que for pra melhoria do serviço público terá o meu apoio”, finaliza a prefeita Paula Ribas.

Compartilhe

Outras notícias

Obras do novo reservatório do Polvilho está em fase final

Nesta quarta-feira (12), a equipe da Prefeitura de Cajamar realizou uma vistoria na obra de interligação...

Chefe do tráfico, em saída temporária, é preso novamente em Cajamar

A equipe da Polícia Militar, por meio do Pelotão Bravo, recebeu informações de que...